quinta-feira, 29 de maio de 2014

7 atitudes para você não ficar doente

1 Fale de seus sentimentos
Emoções e sentimentos escondidos e reprimidos podem acabar em doenças     como: gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna e muitas outras.
Portanto, não guarde nada! Desabafe, confidencie, partilhe...
Lembre-se: O diálogo, a fala, a palavra, é um poderoso remédio e uma excelente terapia.

2 Tome decisões
O indeciso permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia e acaba acumulando problemas e preocupações.
Mas para decidir é preciso saber renunciar e saber abrir mão de vantagens 
Lembre-se: A história humana é feita de decisões, sua vida também.
3 Não seja negativo
Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas. Preferem a lamentação, o pessimismo, gerando energia negativa que muitas vezes se transforma em doenças. 
Lembre-se: Somos o que pensamos. 
4 Não viva de aparências
Quem esconde a realidade, finge, faz pose, quer sempre dar a impressão que está bem e quer mostrar-se perfeito, na   verdade está acumulando o peso da mentira... 
Nada pior para a saúde!
Lembre-se: A verdade é sempre o melhor caminho
5 Aceite-se
A rejeição de si próprio, a ausência de autoestima nos faz ser o algoz de nós mesmos. 
Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. 
Lembre-se: Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, é bom senso.
6 Confie
Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras.
Sem confiança não há relacionamento e sem relacionamento não há crescimento. 
Lembre-se: A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus.
7 Não viva sempre triste
O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa.
A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive.
Alegria é saúde.
Lembre-se: "Ser completamente honesto consigo próprio é o melhor esforço que um Ser Humano pode realizar" Freud

* Baseado no texto de Dráusio Varela - A arte de adoecer


2 comentários :