sábado, 18 de outubro de 2014

Histórias estimulam sentimentos

Contar histórias é muito mais do que um entretenimento lúdico, pois transmite conhecimentos que a criança poderá levar para a vida toda.
Os contos de fadas, por exemplo, tratam de conflitos humanos e trazem mensagens importantes para o desenvolvimento infantil, pois permitem a familiarização com temas como relacionamento, família, coragem, superação, intrigas, conflitos, entre outros.
São narrativas que envolvem magia e encantamentos, heróis enfrentam o mal e vencem no final. Animais falantes, reis e rainhas, fadas, bruxas e ogros nos dão lições de moral, nos mostram caminhos e nos oferecem a sutileza da inocência infantil.
Se em contos de fadas, tapetes voam, pés de feijão chegam ao céu, porquinhos constroem casas e tranças servem de escada, na realidade muitos desafios têm de ser enfrentados.
O medo do abandono que João e Maria sentem, pode ser facilmente vivido na realidade. A riqueza e a preocupação com a aparência narradas na história da Cinderela podem ser prontamente encontradas em lares atuais. Assim como, a ingenuidade de Chapeuzinho Vermelho, a baixa autoestima do Patinho Feio, a busca por independência de Rapunzel e diversos outros exemplos.
Portanto, estimular os sentimentos é ensinar a viver, é mostrar à criança que emoções devem ser vividas, sem medo e com coragem, assim como fazem os heróis dos contos de fadas.



Nenhum comentário :

Postar um comentário