sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Marcas do Bullying

O termo é recente, mas esse tipo de violência é antigo.
Amedrontar, perseguir, ameaçar, intimidar, oprimir e maltratar são alguns dos verbos que explicam o significado da palavra Bullying.
Mas o assunto vai muito além!
Podemos focar no agressor, na vítima, na escola, na educação, na família, nas consequências, nas sequelas, enfim... O leque de possibilidades é imenso.

Imensa também são as marcas que o Bullying deixa na vítima.

Aquela brincadeira de criança, aquela perseguição gratuita, pode ser a causa raiz para diversos males.
Agressividade, baixa autoestima, timidez, insegurança, pânico, depressão são apenas alguns exemplos.
Muitos dos adultos de hoje foram vítimas de Bullying quando crianças e, diferente da atenção dada hoje para o tema, antigamente essa intimidação era vista como brincadeira de criança.
Mas as sequelas, essas não são de brincadeira. Elas são reais e atormentam as vítimas de ontem.

Em terapia, quando tratamos as questões atuais trazidas pelo paciente, buscamos no passado a causa desses problemas e, diversas vezes, são narradas histórias de perseguição, ameaças, ofensas sofridas na infância, que hoje podemos nomear de Bullying, mas na época eram consideradas somente, ‘brincadeiras de criança’.


2 comentários :

  1. Pois bem Eft São Paulo,

    não há dúvidas que esse ato é mesmo terrível e, tem mesmo consequências irreversíveis, desnecessárias.
    A vida é repleta de atitudes humanas muitas vezes incompatíveis com os seres... Pena não se ter esperança deste mau desaparecer da sociedade. Mas, vale o compartilhamento...

    Obrigado por dividir este conteúdo conosco!

    Até mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem razão Edson, é realmente terrível! O trabalho é árduo, mas não podemos desistir do ser humano!

      Grata por participar!

      Excluir