sexta-feira, 14 de agosto de 2015

7 maneiras de ouvir sua intuição

Tradução do texto de Elizabeth Inquilino

Alguma vez você já esteve em uma situação onde o seu ‘instinto’ lhe disse uma coisa, mas sua mente racional, disse outra? 
Se você foi com seu cérebro ao invés de ter ido com a sua intuição, há uma boa chance de você ter lamentado esta decisão.
Sua intuição faz parte do seu subconsciente e, muitas pessoas, não conseguem dar o tratamento adequado a ela. Mas, aprender a ouvir esta bússola interna, poderia te ajudar a tomar melhores decisões e viver uma vida mais gratificante.
"Eu defino a intuição como o sutil saber sem ter ideia alguma de por que você o percebe," explica Sophy Burnham, autor de ‘A Arte da Intuição’. "É diferente de pensar, é diferente da lógica ou da análise ... É um saber sem saber ".
É o raciocínio inconsciente, a orientação que te obriga a virar à esquerda quando todos os sinais apontam para a direita. É, muitas vezes, o sussurro interior que pode levar você para os melhores resultados.
Intuição é comumente associado a new age, misticismo ou uma maneira metafísica de pensar, mas não tem que ser assim. 
"Há um crescente corpo de evidências, combinado com investigação sólidas, que sugerem que a intuição é um aspecto crítico da forma como os seres humanos interagem com nosso ambiente e como, em última análise, nós fazemos muitas das nossas decisões" disse Ivy Estabrooke do Escritório of Naval Research, que investiga o poder da intuição.
A intuição, por vezes, sabe melhor do que a mente racional. O problema é que muitos de nós têm enterrado aquela vozinha interior, temos dificuldade em ouvir ou sentir para onde ela está nos guiando.
A boa notícia é que a sua intuição ainda está lá, você apenas tem que aprender a ouvi-la novamente.
Para melhor ouvir a sua intuição, tente:
1. Passe algum tempo em silêncio
2. Aproxime-se da natureza
3. Seja Criativo  
4. Aprenda a ouvir
5. Seja consciente do corpo:  
6. Relaxe.
7. Mantenha-se positivo

E, porque não adicionar um oitavo item, pratique a EFT!
Experimente!


Nenhum comentário :

Postar um comentário